quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Gelado de Pêssego


Como já disse inúmeras vezes, guardo sempre no meu coração as pessoas que partilham receitas comigo. Principalmente porque há pessoas muito zelosas por certas receitas, que querem que permaneçam exclusivamente na família durante várias gerações - como o arroz doce da mãe da Maria, e é por isso que nunca a publiquei aqui. 


Mas também há outras pessoas que não se importam que eu partilhe as receitas com vocês. Enchem-me o coração quando pergunto se posso partilhar a receita no meu blogue e me respondem com um "Claro que sim!" Acho que vocês também gostam muito quando isso acontece... :)


A Dona Laurinda é a mãe do meu cunhado, portanto sogra da minha irmã ou que faz dela automaticamente sua mãe emprestada. Como somos gémeas e eu sempre ouvi dizer que era importante partilhar, acho que a minha irmã não se vai importar que a Dona Laurinda também seja um pouco minha. Porque partilhou comigo a receita do seu delicioso gelado de pêssego entrou automaticamente na minha lista de pessoas que guardo com muito carinho! Agora não há nada a fazer...


Não sei a qual dos dois tipos de pessoas a Dona Laurinda pertence. Não lhe perguntei se podia partilhar a receita aqui porque modifiquei-a e ficou praticamente irreconhecível. Mas a receita base continua a dela, e é sem dúvida o meu gelado preferido ^^

Atenção: é um gelado altamente viciante!


Ingredientes:
  • 700 gr de pêssego descascado e descaroçado
  • 2 pacotes de natas (pode ser de soja, mas aqui na terra encontrar natas de soja é mais ou menos como encontrar o Santo Graal... :P )
  • 250 gr de açúcar


Modo de fazer:
  1. Partir o pêssego já descascado e descaroçado e triturar muito com uma varinha mágica. 
  2. Bater as natas em chantilly, juntar o açúcar e bater mais um pouco.
  3. Juntar os pêssegos triturados e envolver muito bem.
  4. Distribuir por tacinhas ou por uma taça grande e levar ao congelador aé solidificar. Mexer o gelado de hora a hora nas primeiras 2-3 horas, de forma a que não se criem cristais de gelo e o gelado fique cremoso (embora eu goste mais dele duro!). 


Céu! *.*

Espero que gostem! Por cá desapareceu à velocidade da luz!

Para melhorar o já de si fantástico, fiz este gelado com uns pêssegos biológicos que comprei na Feira de Mogadouro e que, como disse no facbeook, foram os melhores pêssegos que já comi! Ai, vida deliciosa ^^

Rende 10 doses
Cerca de 263 kcal/dose

8 comentários:

  1. Que maravilha :) Adoro pessego logo...ia gostar e muito deste geladinho ;)
    -
    Diogo Marques
    Blog: A culpa é das bolachas! | Facebook | Instagram
    -

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Experimenta Diogo, este gelado é o céu! :)

      Eliminar
  2. oinsh tão fofinha! Claro que sim, eu partilho contigo a minha sogra, que realmente já é praticamente como se fosse minha mãe :') Este gelado é mesmo o céu, e o responsável pelos meus mais 3 kgs ganhos nas férias.... mas é docinho e fofinho, tal como a Dona Laurinda :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela atenção :P Também tu és doce e fofinha!
      Beijinhos*

      Eliminar
  3. Então quem tem um blog de culinária é especialmente bom porque partilha todas as receitas (as boas!) com imensa gente, certo? :)
    Eu percebo, soa um bocado ganancioso querer manter a receita, especialmente se for daquelas que merecem maiúsculas e palavras como "melhor" e "sempre", as minhas preferidas para pesquisar receitas (a não ser que seja uma pastelaria a vender 1cm quadrado de bolo por 5€ porque é o melhor do mundo, que o segredo é a alma do negócio - claro que nenhuma pastelaria ia dar receitas :P quem me dera!). É aquela coisa de criar uma tradição familiar... Eu nem tinha nenhuma posição em especial quanto a isso, mas tudo mudou com essa receita do arroz doce :P agora descobri que os segredos são uma coisa muito feia! ;)
    Eu criei o meu blog por causa de uma receita em particular - quando experimentei delirei e achei que tinha mesmo mesmo de a partilhar urgentemente. Curiosamente ainda não a postei, porque fico sempre triste por as minhas fotografias, para além de de má qualidade (isso é sempre, que já sei que não sou grande fotógrafa), não ficarem com grande aspeto (e com isso já me importo mais, porque se não são todas bonitas ao menos que a comida pareça boa!). Isso ganha contornos especialmente dramáticos quando o "modelo" (=comida) é ridiculamente bom - é injusto que não tenha umas fotos que façam justiça à sua delícia :P por acaso vou fazer essa coisa amanhã pela sexta vez - deseja-me boa sorte! É tão frustante :P se calhar também é porque ao olhar para as melhores coisas me "distraio" e não consigo "capturar a essência" :P
    Sim, também me agrada que te deixem publicar ;) é muito mais interessante! Por causa do espírito de partilha e tal...
    Eu até acho piada a essas associações e relações familiares. Claro que também é um bocadinho tua, não pode ser mãe de uma e da outra não! Portaanto podes mantê-la na tua lista "boa" :D
    E acho que esse geladinho de pêssego é uma boa ligação entre vocês! Há algumas coisas antiquadas. Por exemplo, por que é que se usam alianças? Uma receita de gelado seria muito mais eficaz a assinalar um compromisso. Aposto que a taxa de divórcio baixava!
    Deve ser difícil resistir a gostar de alguém que dá uma receita boa :P imagino que as papilas gustativas sejam convincentes na sua avaliação de personalidades...
    Quando vi a primeira foto pareceu-me gelatina com claras, pela textura... Tem mesmo bom aspeto! A maioria dos gelados que vejo parece um bocado "seco", não cremoso, duro e com cristais. É o meu medo :P não gosto muito da ideia de fazer gelados por causa disso. Gostava de ter uma máquina de fazer gelados :) maas quando era mais pequena fiz com a minha prima um "gelado". Ainda por cima era super saudável. Natas, leite condensado, bolacha maria. Acho que era mesmo só isso. Vês? Saudável. Poucos ingredientes E sem açúcar!
    (Nós não tivemos paciência e comêmo-lo bastante derretido :P estávamos fartas de esperar e quando passaram 4 horas - era o que a receita dizia! - começamos a comê-lo. Pensando bem, se calhar não solidificou porque abrimos o congelador de 5 em 5 minutos...)
    Sinceramente a ideia de "gelado de pêssego" não me atrai particularmente, e não sou grande fã de gelados de qualquer tipo de fruta (só os de banana congelada). Mas com os teus comentários... Acho que também vou guardar esta :P tens-me feito considerar algumas receitas que nunca pensaria em fazer!

    ( Só uma dúvida: o que queres dizer com "gostar de gelado duro"? É que o gelado é para ser comido meio derretido, depois de pelo menos 10-15 minutos à temperatura ambiente (menos no Verão :P), com as partes à volta em creme e a permitir que uma colher deslize (e não seja espetada numa massa rígida após várias tentativas). Obviamente. Se gostares de gelado-pedra acho que vou deixar de poder confiar na tua capacidade de avaliar gelados ;) )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)
      Mas é bonito quando uma família quer manter uma receita só para eles :) Ainda é mais quando a partilham connosco, parece que passamos de certa maneira a fazer parte da família, àquele circulo restrito só porque partilhamos uma receita comum (e se essa receita é a do arroz doce, ainda fico mais contente!). Ainda estou a tentar alterar a receita sem alterar (muito!) o resultado final. Quando isso acontecer, dedico a receita a ti ;)
      0.0 Eu percebo isso da foto não captar o quanto a receita é delicioso (é especialmente irritante quando isso acontece, estou-me a lembrar por ex. desta: http://maos-de-manteiga.blogspot.pt/2011/07/doce-da-ilda.html), mas tens MESMO de a publicar! Fiquei super curiosa! Publica mesmo se a foto não lhe fizer justiça, pelo bem da blogosfera :P Boa sorte ;)
      Acho que essa tua ideia é muito interessante e devia ser partilhada com toda a gente: em vez de se trocarem alianças, as famílias trocavam receitas!
      O segredo para um gelado cremoso é mexê-lo! Quanto mais vezes mexeres mais cremoso o gelado vai ficar. Claro que é preciso paciência - uma paciência que eu não tenho - e este por ex.só foi mexido 3x, de hora a hora. Se não mexeres nunca o gelado vai ficar duro como pedra - mas a verdade é que não me importo nada! Gosto de o comer devagarinho... gelado derretido para mim não tem piada nenhuma! :P
      Essa das 4h não é para ser seguida à risca, no meu congelador demora no mínimo umas 6h/8h - claro que se for numa arca acredito que seja mais rápido!
      Fico contente por estares a considerar coisas que nunca tinhas pensado fazer. Espero que gostes das experiências! Beijinhos*

      Eliminar

Obrigada pela visita!