terça-feira, 11 de junho de 2013

"Risotto" de trigo sarraceno com cogumelos


Não, ainda não é desta que vem para o blogue a receita de um risotto "a sério". Em primeiro lugar, em já comi risotto, e gostei. A sério que gostei, apesar de não ser grande fã de arroz "empapado" (agora os amantes de risotto vão-me cair todos em cima por lhe chamar arroz empapado!). Mas não há paciência para ir acrescentando conchinhas de caldo e esperar pacientemente que aquilo evapore, para depois de acrescentar mais uma concha. Sou um espírito impaciente, eu sei, mas ando a trabalhar nisso.

Por isso, decidi inventar com trigo sarraceno. Que não tem nada a ver com trigo (apesar de também ser um cereal) e portanto pode ser consumido por pessoas com a doença celíaca. Gosto muito de trigo sarraceno,  é fácil de fazer, barato e rende bastante. Assim simples, com os cogumelos, é uma refeição reconfortante e óptima para os dias de inverno que temos tido, apesar de estarmos quase no verão!

O trigo sarraceno, já usado para 8 doses e ainda sobejou para mais 4!

Ingredientes (4 pessoas):
1 copo e 1/2 detrigo sarraceno (uso daqueles pequeninos, do vinho)
200 gr de cogumelos frescos
azeite
1 dente de alho
1 litro de água
1 cubo de caldo de galinha (se quiserem que a refeição seja totalmente vegetariana, podem substituir por caldo de legumes).

Modo de fazer: Fatiar os cogumelos frescos (eu compro sempre inteiros porque são mais baratos) e refogá-los numa frigideira alta com um pouco de azeite. 

Eu nunca lavo os cogumelos, limpo-os apenas com papel de cozinha.  Acho que ficam mais saborosos, mas pode ser só mania! A minha divisa é que um pouco de terra também não mata ninguém... :P
Juntar o trigo sarraceno e o dente de alho cortado às fatias. À parte, ferver a água com o caldo de galinha. Juntar parte do caldo à mistura do trigo sarraceno e dos cogumelos. Tapar e ir mexendo de vez em quando. 
O caldo de galinha!

O trigo sarraceno, aqui ainda pequenino.
Quando começar a secar e o trigo sarraceno e inchar, juntar mais caldo (não é preciso esperar que o caldo anterior evapore totalmente: aliás, se fizerem numa panela até podem juntar o caldo todo de uma vez e esperar que o trigo absorva o caldo na totalidade). Repetir até o trigo sarraceno estar cozinhado (podem ter de juntar mais água, dependendo dos gostos). Lá para o fim, salpiquei com um restinho de ervilhas congeladas que tinha, e servi com ervilhas tortas cozidas (um dos meus legumes preferidos). Rápido e fácil de fazer!
Este prato é perfeito para as minhas neuras de dias de chuva!

Calorias (média por dose):
172 (é uma refeição bastante light!)




9 comentários:

  1. Gostei muito da sugestão :) Nunca provei trigo sarraceno, deve ser bom :)

    Beijinhos e tem uma boa noite :D

    ResponderEliminar
  2. Olá Anouska:)

    Gostei da tua versão de risotto. Nunca provei trigo sarraceno:)

    Bom fim-de-semana!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Tão bom Anouska!
    É bom um risotto de trigo sarraceno ou cevada, e sim, muito mais rápido e fácil, pois juntamos a água toda se quisermos e ele coze e fica perfeito!
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  4. Cara Anouska:
    Deve ser muito bom este seu "sarracenotto". Vou experimentar.
    Contudo, lamento desiludi-la mas o trigo sarraceno não é um cereal. É a semente de uma planta da família das azedas e dos ruibarbos e, por isso, sem gluten. É contudo mais rica em proteínas, ferro e vitamina P (rutina) que a generalidade dos cereais.
    Mas isso pouco importa.
    Continue com os seus muito bons cozinhados! E saúde!
    José MC

    ResponderEliminar
  5. Fiz hoje para o jantar, ficou simplesmente delicioso :) Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom, fico muito contente! ^^ Beijinho grande*

      Eliminar
  6. Muito boa receita, foi bastante fácil de fazer e ficou uma delicia! Encontrei também esta versão:http://www.tudoreceitas.com/receita-de-risoto-de-trigo-sarraceno-4006.html, que me pareceu muito boa.

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita!